Consulta de Psicologia

A gravidez é um período que permite a preparação e consolidação de um novo papel que é a maternidade. Se tivermos em conta a dimensão psicológica da mulher, esta é uma experiência natural de vida que envolve a reflexão, a gestão de valores e expectativas, o fantasiar e a convivência com emoções que habitualmente oscilam entre a sensação de bem-estar e alegria e o stress, preocupação e ansiedade.

Durante a gravidez a mulher tem a oportunidade de se ligar afetivamente ao seu bebé, de incorporar a sua existência e o papel da maternidade na sua identidade, de ensaiar papéis e tarefas maternas e de estabelecer novos limites relacionais, que irão permitir o acolhimento do seu bebé. Para muitas mulheres, esta fase é vivida com níveis significativos e estáveis de bem-estar. Para outras, pode ser uma fase fisiologicamente e psicologicamente mais exigente, com instabilidade emocional, sensação de angústia e incerteza permanentes, bem como dificuldades significativas em lidar com o desconforto físico, gravidez de risco e doença associada ou não à gravidez. Uma vivência mais negativa do período de gravidez pode ainda levar a uma vivência mais desafiante do período pós-parto.

A Consulta de Psicologia Clínica existe para ajudar a mulher a lidar com as eventuais dificuldades biopsicossociais que possam surgir durante a gravidez, bem como prevenir dificuldades psicológicas mais graves que podem surgir no período pós-parto.

A consulta de Psicologia Clínica na UTERUS segue o Modelo Cognitivo-Comportamental, que consiste numa abordagem estruturada e colaborativa e que permitirá à pessoa adquirir estratégias cognitivas, emocionais e comportamentais para lidar com as suas dificuldades atuais, tendo em conta o seu contexto, história pessoal e individualidade.

Alguns motivos que levam à marcação de consultas de psicologia durante a gravidez:

  • dificuldades na resolução de problemas e na regulação emocional
  • níveis elevados de stress e ansiedade
  • sintomas depressivos, como tristeza e falta de interesse ou prazer nas atividades habituais, que causem níveis de interferência e mal-estar significativos
  • dificuldades relacionais, nomeadamente com o/a companheiro/a e/ou familiares e/ou outras relações interpessoais, que causem níveis de interferência e mal-estar significativos
  • dificuldades de adaptação significativas a problemas de saúde que surjam durante a gravidez ou na presença de uma gravidez de risco

Como terapeuta sexual, a psicóloga da equipa UTERUS também pode dar contributos importantes no caso de dificuldades relacionadas com a intimidade e sexualidade.

O número de sessões é variável tendo em conta o tipo e grau das dificuldades e os objetivos definidos ao longo do processo psicoterapêutico.

A consulta de psicologia pode ser realizada nas instalações da UTERUS ou por via digital.
Contacte-nos aqui para mais informações ou agendamento.